IMG_2102_resized

XIII Motopasseio da Inconfidência Boa Esperança

No dia 12 de abril de 2019, no estacionamento do COPM foi dada a largada para o XII Passeio Motociclístico da Inconfidência. Pela décima segunda vez consecutiva, sócios do COPM, familiares e amigos, preparam as suas motocicletas e em grupo, vão se confraternizar na Pousada da Boa Esperança, na cidade de mesmo nome. Dessa feita, compareceram na Pousada 24 motocicletas e dois Triciclos, esses pilotados pelos sócios, Cel Flávio Batista e Cap Arley.

Alguns dos participantes, partindo de outras localidades, mais próximas de Boa Esperança, reuniram-se com o comboio que partiu de BH, na Pousada. A hospitalidade de sempre do Sargento Rozeno e equipe, esperava a turma com um excelente almoço caseiro, uma das delícias do local. Degustando cervejas estupidamente geladas, a confraternização seguiu até o anoitecer. Alguns se recolheram ao merecido descanso, aproveitando o silêncio e a paz do lugar, enquanto outros se aventuraram a um “pulo” até a cidade, nos bares da orla ou na feirinha da Praça da Matriz.

No sábado, como de praxe, por volta das 13 horas, começou o churrasco, com direito a música ao vivo. Nesse dia também a festa rolou até a noite, com muita animação e alguns participantes se arriscando a dar uma “canja”, entoando suas músicas preferidas. Outros, aproveitando dos ritmos dançantes, ensaiaram um baile. Tudo com muita alegria, descontração e confraternização. 

Amigos dos sócios, que haviam se hospedado em hotéis da cidade, como sempre participaram dessa confraternização. A trégua da chuva, que começou a cair já a noite, permitiu que todos se divertissem muito na piscina e suassem um pouco na excelente sauna da pousada. Segundo as opiniões, foi o melhor passeio dentre os muitos que participaram. Nas despedidas, pois muitos iriam retornar no domingo bem cedo, sempre se ouvia o desejo que em 2020, o passeio se repita.

Esse passeio é também uma comemoração pelo aniversário de fundação do COPM, nesse ano, 71 Anos e uma lembrança dos nossos valores militares cultuados desde os tempos do Alferes Tiradentes, o Inconfidente Maior da Inconfidência Mineira.

IMG_5559

Posse da Presidência e diplomação dos membros dos Conselhos Deliberativo e Fiscal

Tomou posse na noite de 8 de janeiro de 2020, às 20h, em cerimônia no auditório do Clube dos Oficiais, o novo presidente do COPM, eleito para o triênio 2020 a 2023. A chapa Pró União COPM – O Clube da Família Oficial Militar Mineira, liderada pelo Coronel José Guilherme do Couto, venceu as eleições disputadas em novembro último.

Compõem a diretoria, o Coronel PM QOR Roberto Lemos (1º vice-presidente) e o Coronel BM Ref Antônio Miguel Ferreira (2º vice-presidente).

Durante a cerimônia, foram diplomados os presidentes dos Conselhos Deliberativo, Cel PM Ref Paulo Mansur Reis e Fiscal, Cel PM QOR Áurea dos Santos Silva, incluindo os membros efetivos dos Conselhos, secretário e membros suplentes.

A cerimônia contou com a  presença de militares da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros Militar, sócios civis, familiares dos militares diplomados e convidados.

O evento aconteceu nas dependências do Clube dos Oficiais da Polícia Militar, no Bairro Prado, em Belo Horizonte, onde também foi oferecido um coquetel ao final do evento.

PRESIDENTE

O Coronel José Guilherme do Couto substitui o Coronel Edvaldo Piccinini Teixeira. Ele traz na bagagem experiências acumuladas por 18 anos em diversas passagens pelo Clube.

Como Capitão, em 1983, integrou os quadros do COPM como Diretor de Relações Públicas, na gestão do Coronel Klinger Sobreira de Almeida, na década de 80. Atuou, ainda, posteriormente, junto às Diretorias dos Ex-Presidentes, Coronéis Campolina e Waldeir. Em seguida, como 1º Vice-Presidente da Administração Coronel Piccinini, em dois momentos. Somadas todas estas experiências chega o momento de empregá-las em sua atual gestão, agora como presidente.“O Clube clama por mudanças estruturais, por mais participação e transparência e, com certeza, estamos dispostos a abraçar essa nobre e árdua tarefa, aplicando uma gama de  virtudes na nossa gestão, que ora se inicia,” salientou o oficial.

ELOGIOS

“Sem desconsiderar as demais, a Administração Cel Piccinini marca história na modernização do nosso Clube, entregando aos associados equipamentos de ponta para o lazer e atuando de forma relevante nas negociações salariais de 2011, que corrigiu os salários dos militares mineiros elevando-os a um patamar de justiça, a altura dos serviços que prestamos à comunidade.

Parabéns, Coronel Piccinini. A história do COPM levará para sempre a sua marca de gestão”, afirmou em discurso o atual presidente. O oficial ressaltou o caráter democrático em que transcorreu a eleição, nos dias 9 e 10 de novembro passado; a convivência  cidadã entre as chapas, que abriram discussão de idéias, metas e propostas em clima de harmonia e união;  registrou apoio aos comandos da Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros Militar, Coronéis Giovanne Gomes da Silva e Edgard Estevo da Silva, respectivamente; e destacou o papel da Academia de Letras João Guimarães Rosa da Polícia Militar, como importante na difusão das artes literárias.

IMG_0035

Reveillon da Família

Os sócios que participaram do Réveillon da Família ficaram encantados com a festa

Eles deram a nota 9,15 para o evento, por meio de uma pesquisa de satisfação aplicada pelos organizadores: a Baile Pronto, que há 5 anos promove esta festa em parceria com o Clube dos Oficiais – COPM. O motivo para a satisfação? A pesquisa, que já vem sendo aplicada todos os anos, abre campo para que os participantes façam sugestões. A partir destas observações são feitos os ajustes para que tudo aconteça da melhor forma possível e agrade ao sócio.

Esta, aliás, é uma das  propostas da nova diretoria do Clube: ouvir o que o sócio tem a dizer, suas sugestões, críticas e avaliar todas as colaborações, para atuar numa gestão pautada pela transparência, união e responsabilidade.

Assim, este ano, muitas novidades no Réveillon da Família: monitores  acompanhando e promovendo as brincadeiras no Espaço Kids, uma bateria de escola de samba ao final do evento, inovação na carta de coquetéis (servindo, pela primeira vez no clube, whisky escocês), além do renomado Buffet Catharina assinando a gastronomia e a Banda Êxito, o DJ Trump e mestre Linguinha levando todos às pista de danças.

Todo esse investimento foi feito para que o sócio se sentisse à vontade, bem servido e, principalmente, muito feliz na passagem de 2019 para 2020. E o resultado foi positivo.

“Nós efetuamos anualmente uma pesquisa via email para todos os adquirentes de mesa, e esta pesquisa nos dá dois indicadores. Um deles, e de mais fácil entendimento, é a nota aritmética simples – escala de 0 a 10 – que somou 9,15. O outro indicador é o NPS – Net Promoter Score – uma metodologia internacional da Bain&Company, onde, numa escala de – 100 a +100, pontuamos com +73”, afirmou Danilo Braga, da empresa parceira do Clube dos Oficiais, Baile Pronto.

Os ingressos esgotaram 15 dias antes do evento, mostrando a receptividade do público, que buscou uma festa em ambiente elegante e com valor atraente, em relação aos demais clubes de Belo Horizonte. Nos ‘bastidores’ da festa, mais de 100 profissionais garantiram uma noite de alegria e muito bom gosto. Enquanto os adultos se confraternizaram nas mesas ou aproveitavam a pista de dança, as crianças nos brinquedos infláveis se divertiam em segurança acompanhadas de monitores no Espaço Kids.

Arraia-2019-01

Arraiá de Inverno COPM

Uma festa com sensação gostosa de acolhimento.

Uma maior proximidade, em ambiente festivo e familiar, marcado pela afeição e pela amizade. Assim, foi o Arraiá de Inverno promovido pelo COPM, no dia 13 de julho. O ambiente intimista favoreceu a interatividade dos mais de 1100 convidados, que conversaram animadamente e divertiram-se das 18h até por volta das 2h da madrugada. “Está a cara da nossa casa”, afirmou o Cel Alexandre. “Excelente a iniciativa de levar a festa para a Praça de Esportes”, disse o oficial, elogiando a novidade.

Até no ano passado, a festa era promovida no estacionamento. Este ano, ambientado na parte interna do Clube, o Arraiá de Inverno arrancou elogios e aplausos de quem participou. O Tenente Pantuzo, acompanhado da esposa, pais e sogros, se sentiu cercado de amigos: “Curti muito”, disse o oficial. O sócio civil José Maria Emediato, que está presente em todas as festas promovidas pelo Clube, não poupou elogios: “De todas as festas, esta é a mais aconchegante”.

A intenção dos organizadores foi exatamente esta: fazer com que todos se sentissem ‘no terreiro de casa’, confortáveis, próximos e aquecidos na noite, que não estava tão fria assim.

Das três quadras de peteca, uma delas foi reservada como pista para os  dançarinos e duas estavam cobertas para proteger os convidados do vento. As mesas, no entanto, foram se espalhando para além dos espaços delimitados pela cobertura e a festa tornou-se um grande encontro de amigos/família.

O Coronel Costa Paz também se sentiu muito bem no novo ambiente da festa: “Aqui, nos sentimos abraçados”. Abraçadas com carinho também se sentiram as crianças, que aproveitaram a noite em local reservado especialmente para elas. No Espaço Kids, pula-pula de castelo, piscina de bolinhas, escorregador, cama elástica. Para organizar as filas e acompanhar as brincadeiras, 10 monitores atentos passaram a noite de olho na criançada.

O público prestou atenção e elogiou cada detalhe: da decoração caipira às 13 barracas de doces, bebidas, comidas típicas e caldos. Aplausos também para o Grupo Guararás, que fez um verdadeiro resgate da cultura brasileira, apresentando as riquezas da dança folclórica. O renomado Manezinho do Forró levou muita gente para a pista, além da dupla Wellington Costa e Gabriel e Bárbara Mattos, com sertanejo e MPB. E para fechar a noite, muitos que já estavam embalados pelo calor da festa fizeram participação especial até o som ser desligado, caso contrário, a festa iria até o amanhecer. Para uma festa popular, ingressos populares. Toda essa diversão por um valor simbólico de R$10,00 para sócio e R$20,00 para convidados. Quem não participou perdeu.